09/12/2011

O joio e o trigo

Contar para as crianças a parábola do joio e do trigo:



"Um semeador, durante todo dia, semeou grãos de trigo no seu campo.
Ao pôr do Sol voltou para casa, cansado, mas, feliz por haver realizado sua missão de trabalho.Semeara trigo e estava contente porque aquele trigo seria, em breve transformado em pão, para alimento de muita gente.

Porém, esse homem tinha um inimigo que invejava suas plantações.O inimigo era mau e queria, a todo custo prejudicar as sementeiras do fazendeiro.
'Que farei'? - pensava o inimigo.E teve a idéia maldosa de semear pequenas pedras no campo de trigo; mas, poderiam ser retiradas e seu ódio não ficaria satisfeito.Resolveu, então, semear joio onde o trigo havia sido semeado.Foi esse o plano maldoso do inimigo do semeador.

O joio é uma planta muito parecida com o trigo, mas, não serve para a alimentação do homem, podendo até envenená-lo.Eis porque o inimigo do fazendeiro quis fazer a mistura do joio com o trigo no campo, visando prejudicar a colheita e causar males aos que se alimentassem do produto daquele campo.
O inimigo fez o que pensou.Durante a noite, enquanto o fazendeiro e seus trabalhadores dormiam, o homem maldoso entrou no campo e semeou joio no meio do trigal.Completada sua obra de ódio e ruindade, ele se retirou, cuidadosamente.
Algum tempo depois, quando as espigas de trigo já surgiam no campo, apareceu também.
Então, os trabalhadores foram dizer ao fazendeiro o que haviam visto no campo:
-Senhor, não semeaste no campo somente boas sementes?Por que, então, está nascendo joio no trigal?
O fazendeiro já havia descoberto tudo e respondeu aos servidores:
-Foi um inimigo que fez isso...

Os trabalhadores lhe perguntaram:
-Senhor, queres que vamos agora mesmo, arrancar o joio?
O senhor, porém, lhes respondeu com uma explicação:
-Não é possível fazer isso agora.Vocês sabem que o joio é muito parecido com o trigo. Se vocês quiserem arrancar o joio, que foi plantado junto com o bom grão, arrancarão também o trigo.Na época da ceifa, eu direi aos ceifeiros que colham primeiro o joio e o atem em feixes para queimá-los; e depois juntem o trigo no meu celeiro." (Histórias que Jesus contou. Clóvis Tavares-Ed.Lake) (ilustração:Patrícia Simões)

Explicar ás crianças o que Jesus quis dizer com esta parábola:

O semeador:É ele mesmo, Jesus, que semeia a boa semente.
O campo:É o mundo, Terra onde vivemos.
O trigo:A boas pessoas que procuram compreender e praticar os ensinamentos de Jesus.
O joio:As pessoas que não querem ouvir nem seguir os ensinamentos de Jesus e preferem seguir os maus caminhos dos vícios e da maldade.
O inimigo(que semeou o joio):Os Espíritos ruins que lutam contra a obra de Jesus, influenciando as pessoas ao crime, á injustiça.
A ceifa:A época da Regeneração da Terra, quando nosso planeta deixar de ser um mundo de sofrimento para ser um mundo de aprimoramento.
Os ceifeiros:São os anjos, Mensageiros da Luz, Grandes Espíritos que, em nome de Deus, vão ser os responsáveis por essa transformação.
No momento em que houver essa transformação, os que desejam seguir o caminho do bem e da justiça serão distanciados daqueles que  preferem o caminho da maldade e da injustiça.

Então crianças, procurem cultivar sempre nos seus coraçõezinhos os sentimentos bons.
Percebam vocês mesmos como se sentem quando ficam tristes, com raiva.Dói a cabeça, o corpo, dá vontade de chorar...Isso é ruim não é?
E quando ficam felizes, emocionados?Como nosso corpo se sente bem depois daquela gargalhada gostosa, ou quando alguem nos abraça agradecido!Bem melhor não é?