Somos todos diferentes


Perguntar ás crianças: qual dessas frases está correta?

SOMOS TODOS IGUAIS
SOMOS TODOS DIFERENTES

Deixar que elas comentem e exponham suas opiniões. 

Como vocês já disseram, somos diferentes. Temos cores diferentes, cabelos diferentes, tamanhos diferentes, gostos diferentes, religiões diferentes, culturas diferentes. Isso é bom ou ruim?

Esperar elas opinarem.

Isso é bom!!! Se todos nós fôssemos iguais não seríamos humanos e sim robôs ou bonecos! Nós temos que gostar de nossas diferenças e aprender a mostrar as qualidades de nossas diferenças. Ouçam o poema Diversidade:


Viu? Bom mesmo é sermos amigos pois se um fala pouco, outro fala muito.
Se um é ótimo em matemática, outro faz desenhos lindíssimos.
Um baixinho tem um amigo alto que alcança a bola em cima do muro.
Esse amigo alto tem o privilégio de ter um amigo baixinho
 que pega -facilmente- a borracha que correu pra debaixo da cadeira.
Assim aprendemos a tirar o melhor proveito de nossas diferenças.


Uma coisa importante: precisamos ficar atentos ás necessidades dos outros para sempre que possível ajudarmos.  Me ajudem a completar as necessidades dos amiguinhos nas ilustrações:

O que um coleguinha que tem cadeiras de rodas precisa?
- acessibilidade : rampa de acesso aos lugares e nas calçadas. Menos buracos nas ruas. Rampas de acesso aos ônibus. Adaptações em banheiros, etc.
E um coleguinha cego?
- Cartazes com braile,
- Nas faixas de pedestres ter um dispositivo com áudio para avisá-los a hora certa de atravessar.
- relevo nas entradas e saídas dos estabelecimentos, etc.

Com todas as diferenças devemos ter carinho, cuidado e paciência. Muitas vezes os coleguinhas não tem a mesma agilidade ao se locomover, ao falar, ao pensar mas poderão nos mostrar que tem muito amor no coração e muita coisa para nos ensinar.



Vamos ficar atentos para ajudar nossos amiguinhos. Se perceberem que na escola, na rua, ou em lojas nossos amiguinhos poderão ter dificuldades, vamos avisar aos responsáveis pelo local certo? Todos nós podemos nos ajudar!

Vou contar pra vocês a história de um menino que convive bem com as diferenças. Seu nome é Danilo. A história é Ninguém é igual a ninguém.



Vamos colorir?


Dicas de livros para se trabalhar o tema diferenças: