4.12.14

José da Galiléia - pai de Jesus

Na história de Jesus um personagem que aparece muito no início mas que depois pouco se fala é José.
Perguntar ás crianças o que elas sabem de José.
Então, vamos conhecer mais um pouco da história de quem também foi muito importante na vida de Jesus: seu pai José.


José, nasceu na Galiléia norte de Israel. Antes de se casar com Maria, foi casado e teve cinco filhos, mas ficou viúvo, quando um dos seus filhos ainda era pequeno. Seu nome era Tiago.
Ele era um bom pai. Responsável, trabalhador e justo. Trabalhando como carpinteiro sustentou sua família. Mesmo tendo idade mais avançada foi escolhido pelos sacerdotes para se casar com Maria. Ainda noiva de José Maria foi morar com ele, em Nazaré, para ser protegida pois ela era uma moça muito especial. Assim que chegou na casa de José passou a cuidar de Tiago como sua verdadeira mãe.
Pouco tempo depois Maria ficou grávida. José desconfiou que o filho não era dele e pensou secretamente em não casar com Maria. Porém, em sonho, recebeu uma mensagem de que ele seria pai de Jesus - o messias enviado por Deus para salvar seu povo da maldade do mundo. José então voltou para casa decidido a cuidar ainda mais de Maria e seu  novo filho que iria nascer.
Enquanto Maria estava em estado avançado de gravidez, José teve que ir para Belém para participar de um recenseamento. Maria, sendo sua esposa, foi junto.


No meio do caminho, Maria deu sinais que iria ganhar o neném. José procurou um lugar para se hospedar com Maria. Porém, devido ao recenseamento, todos os lugares estavam lotados. 
Em nenhum momento José deixou de proteger Maria e seu bebê. Enfrentou o frio da noite, a seca do deserto, o calor, a fome, mas ele sabia que aquele bebê tinha uma missão muito importante no mundo. E ele faria de tudo para protegê-lo.
Finalmente encontrou um lugar protegido do frio, macio, confortável, a medida do possível, para que Maria pudesse dar a luz: uma estrebaria.


José foi um ótimo pai. Cuidou e amou Jesus e Maria durante toda sua vida. Ele foi o exemplo que o menino Jesus teve de pai. Com ele aprendeu como um bom filho deve ser, aprendeu a ajudar sua mãe nos afazeres domésticos e a ajudar o pai na carpintaria. Jesus amou tanto sua mãe Maria como seu pai José e a eles foi grato por terem cuidado dele permitindo que ele sobrevivesse firme e forte para cumprir sua missão. 


Jesus, um espírito evoluído teve como exemplos durante sua infância duas pessoas de almas nobres, generosas, humildes e benfeitoras: Maria e José. Se não fossem a dedicação, o amor e o carinho desses pais, talvez, Jesus não tivesse cumprido sua missão como deveria ser.
Vamos aproveitar o Natal para lembrarmos do quanto o amor da família, daqueles que nos querem bem é importante para nós.




Teve alguém na história de Belém
Que a história quase não falou
Mas fez também a noite de natal
Foi companheiro amigo e pai leal

refrão
Teve um sonho lindo sonho e uma flor
Linda flor e um lar tão pobre mas rico de amor
No dia a dia trabalhava com suor
Trabalhava talhando a madeira com amor

De tardezinha voltava para o lar
E o aguardavam Jesus e maria
Todas as tardes eram tardes de amor
A mesa posta e o pão de cada dia

Oh! carpinteiro de nazaré
Inspira o homem a ser fiel
Ter sua oficina de amor e fé
Fazer do lar o próprio céu

refrão


Link: http://www.vagalume.com.br/roberto-moreira/jose.html#ixzz3Krnv9Ykl