26/02/2015

Preparando para um novo ano!

Nos preparativos para o retorno á evangelização, me deparei com obras de uma alma muito querida: Joanna de Ângelis. Recebi como inspiração e me baseei a primeira aula que será dada semana que vem.

Um pouco de sua história:
Joanna de Ângelis é a guia espiritual de Divaldo Pereira Franco. Ela é autora da maioria dos livros psicografados por ele.
Os temas principais de seus livros são filosóficos, psicológicos e existenciais.
Dentre suas obras principais destaca-se a Série Psicológica, composta por dezenas de livros onde a autora faz a ponte entre a psicologia moderna e a doutrina espírita.

Suas encarnações:
Segundo Divaldo Pereira Franco, em uma de suas encarnações ela teria sido:
  Joana de Cusa - uma das mulheres que acompanharam Jesus na sua crucificação (vide: A Veneranda Joanna de Ângelis - Divaldo Francos e Boa Nova - Humberto de Campos).

Joana de Cusa

Segundo o escritor Cézar Braga Said ( livro: Joana e Jesus uma história de amor) ela ainda foi:
 Santa Clara de Assis - seguidora de Francisco de Assis e fundadora da Ordem das Clarissas.

Santa Clara de Assis
 Juana Inês de la Cruz - pseudônimo religioso da poetisa mexicana Juana de Asbaje (que viveu durante o séc. XVII)
Juana Inês de la Cruz
Joana Angélica de Jesus - sóror e depois abadesa que viveu no séc. XVII e protagonizou o doloroso drama Independência da Bahia (foi um movimento que, iniciado em 1821 e com desfecho em 2 de julho de 1823, motivado pelo sentimento federalista emancipador de seu povo).

Joana Angélica de Jesus
 Hoje, na espiritualidade, adotou o nome Joanna de Ângelis, é um dos guias espirituais que exerce um papel evangélico e educativo de altíssimo valor com obras traduzidas em várias línguas - inclusive em braile e áudio
Joanna de Ângelis

Livros psicografados:


 Entre outros...

Importância da Evangelização Infantil

Divaldo Franco, inspirado por Joanna de Ângelis, conforme declara correspondência enviada ao presidente da FEB em 23 de agosto de 1982, responde ao questionário que lhe foi proposto sob a importância da evangelização espírita infanto- juvenil:

 01. Qual a importância da Evangelização Espírita Infanto-Juvenil na formação da sociedade do Terceiro Milênio? 
De máxima relevância, por ser a infância de hoje o elemento social do futuro que constituirá a nova Humanidade, desde já programada para o início do Terceiro Milênio. Na alvorada do próximo milênio, os jovens da atualidade estarão chamados a exercer tarefas e atender a compromissos cujos resultados dependerão da formação que lhes seja dada, desde agora. Sendo a Doutrina Espírita a mais excelente Mensagem de todos os tempos — porque restauradora do pensamento de Jesus Cristo em forma compatível com as conquistas do conhecimento moderno - é óbvio que a preparação das mentes infanto- juvenis à luz da evangelização espírita é a melhor programação para uma sociedade feliz e mais cristã.
(Leia o questionário completo aqui: http://www.cvdee.org.br/evangelize/pdf/1_0738.pdf)

Então, trabalhemos!!!