Seguindo as lições de Jesus

Finalizando o trabalho desenvolvido com o livro Escuta meu filho.

A história que Dona Clara contou foi sobre um menino que viveu no tempo de Jesus. Seu nome era Amantel.
Era um menino de apenas oito anos, que vivia numa casa simples mas acolhedora de Jerusalém, junto de sua mãe e seu pai. De olhos e cabelos negros, Amantel tinha um semblante sereno, meigo. Parecia mesmo ser um menino bom.
Certo dia, indo fazer compras com sua mãe, viu muitas pessoas juntas ao lado do templo.
 -Mamãe, porque será que aquele povo todo está reunido?
Sua mãe também ficou curiosa e resolveu se aproximar para ver o que acontecia.
Logo viram um jovem homem, com semblante doce e calmo postando suas mãos nas cabeças das pessoas. Amantel falou admirado:
 - Ah, mamãe já sei! Esse deve ser Jesus! Meu amigo Ismael falou-me dele ontem: ele curou um paralitico! É um homem muito bom, que fala coisas muito bonita ás pessoas e as cura!

Sua mãe se espantou:  - Como sabes que esse homem é mesmo esse tal de Jesus?
 - Ora, mãe! Dá pra perceber! Olha como ele transmite calma, paz! Veja: está carregando uma criança pequena no colo que parece doente. Aposto que logo estará curada!
Sua mãe, apreensiva disse: - não se deve admirar de coisas que estranhos fazem filho!
Amantel indeciso e espantado disse:
 - Porque não devemos admirar pessoas que fazem coisas boas? Ele está fazendo o bem! Isso não é bom?
 -Vamos embora! Seu pai já deve estar chegando do trabalho.
Como ele era um menino muito obediente, não insistiu em ficar mas queria tanto que sua mãezinha entendesse o que ele sentia no peito: que aquele era um homem bom, que podiam confiar...
Alguns meses se passaram...
Era fim de tarde. Amantel estava sentado na soleira de casa observando o por do sol. Mas nesse instante, não sabia porquê seu coraçãozinho estava oprimido, como quando a gente sente que alguma coisa irá acontecer a alguém que amamos. O seu estava com nuvens pesadas, as colinas com sombras escuras. Nem o Sol que nesse momento oferecia um brilho tão bonito, parecia não estar tão brilhante.
De repente seu pai chegou ás pressas, mais cedo que o normal e falou:
 - Vamos pra dentro filho. Está havendo uma revolução na cidade e não sei como as coisas vão desenrolar. Acabam de prender um tal de Jesus e ele será crucificado!
 -Jesus!? Por que?! Por que prenderiam um homem tão bom? - Perguntou espantado o menino Amantel.
 - Estão dizendo que ele não respeitava as leis. É um criminoso e merece pagar pelos seus crimes.
 - Não creio! Não creio! - gritou Amantel correndo para as ruas com os olhos marejados.
Seu pai ainda tentou segui-lo mas logo se perdeu dele.
Em poucos minutos ele já estava perto do aglomerado de pessoas. Logo ele viu os cabelos dourados empapados de suor e sangue de Jesus e suas costas feridas pelas chicotadas, carregando uma cruz de madeira pesada.

Seu olhar triste de lacrimejante de menino se perguntava: - porque fizeram isso com quem só fez o bem? - não conseguia entender...
Jesus sentiu o olhar do menino. Virou seu rosto em sua direção e transmitiu uma mensagem em pensamento para o garoto:
 " Não se entristeça Amantel. Vá para casa. Veja que não há nenhuma criança nas ruas. Volte para casa e guarde apenas as lições que ensinei, e as coisas boas que viu. Transmita adiante o que ensinei. Agora volte para os seus pais. Está tudo bem".
O menino alcançou o manto de Jesus com o s dedos para se despedir e voltou para casa.
Anos mais tarde, o adolescente Amantel contava ás crianças as histórias de Jesus e seus ensinamentos...


Esse menino representa as diversas pessoas, crianças, e discípulos que passam adiante a lição de amor que Jesus nos ensinou.


Atividade:
Fazer um mural chamado Jardim da Alma
Nossa alma é o jardim
as flores são os bons sentimentos
Explicar para termos um jardim florido e perfumado é preciso cultivamos sempre bons sentimentos e estar sempre cuidando do nosso jardim para que as ervas daninhas, as pragas e o mau tempo não o destrua.
Escrever nas flores bons sentimentos que devemos ter!